em 12/07/2017
  • DICAS
  • CONCURSOS
  • CLDF

O concurso destinado à contratação de 86 servidores para a Câmara Legislativa corre o risco de ser paralisado. Descontente por não ter tido sua proposta analisada pela Mesa Diretora, a Fundação de Apoio à Pesquisa, Ensino e Assistência à Escola de Medicina e Cirurgia do Rio de Janeiro (Funrio) entrou com medida cautelar no Tribunal de Contas do Distrito Federal (TCDF). A entidade pede que processo de contratação da Fundação Carlos Chagas (FCC), escolhida para elaborar o edital e aplicar as provas, seja paralisado.

A Funrio levou o caso ao TCDF em 4 de julho. De acordo com o documento de sete páginas entregue à Corte, a Funrio manifestou, em abril, o interesse em participar da apresentação de proposta para o concurso. Entretanto, a entidade disse que não obteve resposta e acabou surpreendida pela notícia de que a Casa havia escolhido a FCC.

No pedido enviado ao TCDF, a Funrio vai mais longe e solicita que seja reaberto processo de escolha da banca avaliadora.

A ONG Adote um Distrital também viu inconsistência no processo que escolheu a FCC. Em documento protocolado na Câmara Legislativa, a organização pediu as justificativas técnicas que levaram à escolha da instituição e o motivo de dispensa da licitação. A entidade questiona ainda por que a Câmara não esperou o TCDF se manifestar sobre a escolha da FCC, por que a assinatura do contrato ocorreu tão rapidamente e a razão pela qual a Funrio não teve a proposta analisada.

Outro lado
O presidente da Casa, Joe Valle (PDT), disse que ainda não havia sido informado sobre os pedidos e garantiu que não houve falhas no processo. “Analisamos todas as informações e selecionamos as bancas mais capacitadas. Não houve qualquer irregularidade. Foi formada uma comissão com servidores de carreira para dar transparência a todo o processo”, afirmou o pedetista.

A CLDF, contudo, não explicou se chegou a receber proposta da Funrio. Segundo a Casa, além da FCC, cinco instituições apresentaram propostas. São elas: Fundação Getulio Vargas (FGV); Centro Brasileiro de Pesquisa em Avaliação e Seleção e de Promoção de Eventos (Cebraspe); Instituto Americano de Desenvolvimento (Iades); Instituto de Desenvolvimento Educacional, Cultural e Assistência Nacional (Idecan); e Instituto de Desenvolvimento Institucional Brasileiro (Idib). Todas foram analisadas após um chamamento público.

Fonte: Metropoles

  • Compartilhe esse post
  • Compartilhar no Facebook00
  • Compartilhar no Google Plus00

Olá, deixe seu comentário para Banca pede ao TCDF suspensão do concurso da Câmara Legislativa

Enviando Comentário

{TITLE}

{CONTENT}

{TITLE}

{CONTENT}
Precisa de ajuda? Entre em contato!
0%
Aguarde, enviando solicitação!

Aguarde, enviando solicitação!